quinta-feira, 1 de novembro de 2012

POR QUE O HOSP. GETÚLIO VARGAS NÃO SERVIU PARA ATENDER A WALDIR DILKIN?

Amigos,

Após uma crise hipertensiva na segunda-feira a noite deixo meu especial agradecimento ao Dr. Ricardo, Secr. Ângela, assessoria e família por todo apoio recebido. Foi apenas um susto. Após exames e ajuste da medicação estou bem.

Agradeço por todas as pessoas que torceram pelo rápido reestabelecimento do meu estado de saúde, para darmos continuidade ao trabalho por nossa comunidade.

Desejo a todos um abençoado feriadão!!!!

Esta é sua mensagem no Facebook no dia 01/11/12.

Mas a pergunta que deve ser feita, é por que dezena e dezenas de pessoas se utilizam do HGV para tratar os mais diversos tipos de males, inclusive hipertensão e para Waldir a internação teve de ser no Hospital Regina em Novo Hamburgo.

Ora, se o prefeito alardeou a maravilha que se encontra a unidade, que não faltam médicos e (os que tem são muito competentes), que não faltam medicamentos e etc, não deveria ele ser o exemplo de toda esta maravilha ao qual diz que mudou muito em sua gestão, utilizar-se de toda esta estrutura para atendê-lo?

O atendimento em outra unidade de saúde para um tratamento desta natureza, só será necessária no caso extremo onde esteja evoluindo para um quadro de AVC e ou coronário grave e aí então sim, deve ser providenciada a remoção imediata a outro hospital, caso o HGV não disponha dos recursos necessários para oferecer o atendimento adequado.

É sabido do acúmulo de remédios ao qual Waldir vem ingerindo há muito tempo e é sabido também, que o desespero de causa bate cada vez mais forte a sua porta e se a justiça abrir como deverá fazer, pois este é o seu papel, é certo que encontra o que Waldir não quer que encontre e por isto, fez de tudo, até o que não deveria, para se reeleger.

De qualquer forma, o registro que deve ser feito, comentado e compartilhado é: POR QUE O HOSP. GETÚLIO VARGAS NÃO SERVIU PARA ATENDER A WALDIR DILKIN - num caso hipertensivo, segundo ele?

2 comentários:

  1. antoninho spengler1 de novembro de 2012 17:04

    cada um tem a liberdade de escolher onde ser atendido, ou tem que perguntar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu queridooooo! Parece que você não leu direito o artigo. Leia novamente.

      Excluir