domingo, 21 de abril de 2013

Black Sabbath inaugura turnê mundial com show na Nova Zelândia

O Black Sabbath inaugurou a turnê mundial que marca a reunião da banda na noite de sábado (20), em Auckland, na nova Zelândia.

Além de colocar em revista a carreira com os sucessos de 1970 a 1976, a banda tocou duas músicas do novo disco, "God Is Dead?" e "End of the Beginning".

"13" será lançado em 13 de junho e é o primeiro álbum com Ozzy Osbourne nos vocais desde "Never Say Die" (1978).

O Brasil está no circuito: eles fazem um show no dia 9 de outubro, em Porto Alegre, seguindo no dia 11 para São Paulo (Campo de Marte) e encerram a seção brasileira no dia 13, no Rio de Janeiro. Os shows terão abertura do Megadeth.

Será a primeira vez que o Black Sabbath se apresentará no Brasil com Ozzy Osbourne nos vocais -- o "príncipe das trevas" já havia feito shows solo aqui, e a banda veio no formato Heaven & Hell, com o vocalista Ronnie James Dio.

Repertório do show

"War Pigs' ("Paranoid", 1970)

"Into The Void" ("Master of Reality", 1971)

"Under The Sun" ("Black Sabbath Vol 4", 1972)

"Snowblind" ("Black Sabbath Vol 4", 1972)

"Electric Funeral" ("Paranoid", 1970)

"Black Sabbath" ("Black Sabbath", 1970)

"Behind The Wall of Sleep" (Black Sabbath, 1970)

"N.I.B." ("Black Sabbath", 1970)

"End of the Beginning" ( 13, 2013)

"Fairies Wears Boots" ("Paranoid", 1970)

"Symptom of the Universe" ("Sabotage", 1975)

Solo de bateria

"Iron Man" ("Paranoid", 1970)

"God Is Dead?" ("13", 2013)

"Dirty Women" ("Technical Ecstasy", 1976)

"Children of the Grave" ("Master of Reality", 1971)

Bis

"Paranoid" ("Paranoid", 1970)

A Voz Comenta:
Black Sabbat carrega consigo mitos mitos e lendas que podem ser verdade.
 
A Banda nascida no final dos anos 60, ganhou o mundo não apenas por suas canções em tom demoníaco, mas também pela voz de Ozzi e a forma como impostavam seus intrumentos de forma pesada e porque não dizer de elevação aos mais diversos pensamentos de toda a sorte.
 
A verdade sobre estes mitos e lendas está atrelada ao nome primeiramente; Black Sabbat, que pode ser traduzido como Sábado Negro ou, Missa Negra.
 
Neste contexto este esta missa negra se dava no primeiro ou último sábado de cada mês, reunindo, magos, merlins, bruxos e Satanás seria o presidente desta reunião.
 
Outro fato, é de que o Black, fazia o derramamento de sangue de galinhas em frente as igrejas e, por um periodo, a sociedade americana queria probí-los de tocar no país devido a influência que estavam exercendo sobre principalmente os jovens.
 
Diz-se também, que a banda tinha um Iate e dentro dele um mini cemitério.
 
Outro fato curioso, é o de que a maioria deles usa um grande crucifixo no peito para espantar os demônios.
 
Mitos, lenda ou realidades, Black Sabbat arrasta multidões em seus shows e com certeza esta nova turnê será a grande oportunidade de ver a banda reunida com a figura emblemática do Black Sabbat, que é; Ozzi Osbourne.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário