sábado, 2 de setembro de 2017

PSDB MANDA O CAPATAZ/CAPITÃO DO MATO TEMER, PMDB, REALIZAR O SONHO: VENDER O BRASIL!

A elite brasileira, vem ao longo do tempo se desdobrando em faces alternadas para tentar esconder suas sórdidas intensões.

Arcaicos, mas muito disciplinados e organizados, desde o tempo do império se perfilam com as idéias de escravismo e do pensamento insano de que a classe não pode ser misturada com a possibilidade da senzala vir a ter acesso a bens e outros quesitos aos quais eles entendem ser os únicos detentores de direitos e benefícios.

Não é preciso fazer discorrer no tema, a história por si só, conta e comenta os fatos.

E neste curto ou longo espaço de tempo, a elite sempre se insurgiu ferozmente, toda vez que algum movimento ou partido contrário as suas diretrizes e fosse ao encontro dos reais interesses do povo. Foi o que aconteceu com Getúlio, Jango, Lula e, o golpe derradeiro, contra Dilma. O motivo? Estes governos alavancaram políticas sociais que trouxeram alento, esperança e alguma prosperidade aos desvalido e esquecidos pela sórdida elite brasileira.

Há quem não queira aceitar que foi golpe o episódio Dilma, claro que isto é coisa daqueles que de fato estão perfilados com a elite e daqueles que compraram as idéias malignas desta classe mais que dominante, que não se importa quem vai morrer ou como vai vai morrer, a espera de um milagre, desde que; seus interesses não sejam suprimidos.

Na atualidade, o PSDB e outros partidos que comungam com as idéias elitistas, orquestraram o golpe para então, colocar no poder um déspota, sem nenhum tipo de escrúpulos para assim, atender aos interesses da classe dominante, interrompidos nos governos anteriores e encontraram no PMDB de Temer a saída para colocar em prática ou, dar continuidade ao que foi interrompido no governo FHC; vender o Brasil!

Como ladrões que temem ser pegos ou que não possam levar seus roubos, o PSDB juntamente com o PMDB  e "aliados" têm pressa em aprovar reformas danosas ao povo brasileiro, uma vez que o tempo urge e, numa eleição que se aproxima, possam eles não eleger alguém que comungue com suas práticas e assim interromper novamente com seu sonho passado de geração em geração; ser eles sempre os mandatários e detentores de toda a sorte de poder.

Temer é detestado pelo povo, não é respeitado na comunidade internacional, mas é sustentado pelas instituições brasileiras e isto inclui; o judiciário.

Como não vai a uma reeleição e isto foi muito bem negociado com seu patrocinador, o PSDB, Temer não tem nada a perder neste curto espaço de tempo, restando-lhe apenas a missão para a qual foi contratado; vender o Brasil a qualquer custo, não se importando com as graves consequências destes malévolos feitos.

Qualquer um e não precisa ser especialista, faria um realinhamento na forma de gestão da coisa pública, o exemplo disto, é a ELETROBRAS. Mas Temer e sua gang, não estão interessados nisto.

Nenhum país no mundo venderia suas reservas estratégicas ao capital estrangeiro, mas Temer e sua gang sim.

Blindado, Temer ao que parece, vai continuar sendo detestado, sem qualquer respaldo popular, mas sustentado pela elite que tem pressa em ver tudo vendido ou saqueado, uma vez que nos bastidores, estarão associados ao capital internacional e assim continuar ganhando seus dividendos e depositando seus lucros em paraísos fiscais.

Se nada for feito para interromper isso, numa afirmação grosseira e extrema, o Brasil poderá ser comparado a Índia ao Haiti, onde a plebe rude mata e morre pela sobrevivência e a elite vive em palácios, prédios cercados, lugares altos, distante e alheia a realidade do povo.

A sociedade precisa acordar, precisa sair da sua zona de desconforto e fazer frente ao descarado massacre da coisa pública e do povo brasileiro.

Temer e o PMDB, devem ser considerados escória assim como o PSDB, o DEM e todos os que se perfilam a esta nova ordem sórdida de mais uma vez, querer vender o Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário