sexta-feira, 12 de outubro de 2012

A INDÚSTRIA DA FÉ

Quando do evento final deste mundo, que não será em dezembro de 2012 e também, biblicamente e que também, não é a bíblia católica que foi adulterada deliberadamente, este evento final que não tem data marcada; nem ano, nem dia e nem hora para acontecer... o certo é que acontecerá, mas, esta verdade diz respeito apenas a quem crê que Jesus voltará para resgatar seus fiéis, que observaram as leis e os mandamentos de Deus.

Neste dia também, estas que hoje reunem centenas de milhares de pessoas em seus cultos, uma vez que o desespero de alma é o maior incentivador da busca de soluções para os mais diversos problemas da vida e nestas igrejas é pregado a cura pelos milagres e principalmente a revolução na vida financeira dos fiéis; 'se derem tudo para Jesus', (sendo que esta doutrina começou com a Igreja Universal do Reino de Deus), eles, neste evento final, dirão a Jesus: "Mas Senhor, em teu nome não fizemos curas e milagres?" E Jesus responderá a eles: "Apartai-vos de mim malditos, Eu não vos conheço!" Está na bíblia.

O próprio Jesus alertou para estes eventos presentes; sobre curas e sinais de prodígios e afirmou que isto não vinha da parte de Deus.

Para saber mais sobre isto, é preciso dedicar tempo e estudar a Palavra de Deus com cuidado, perícia e devoção, sem cortar nenhum livro, capítulo ou versicúlo e muito menos observar apenas o texto e sim confrontar com o contexto para ter o esclarecimento pleno do que Deus realmente quer para suas criaturas.

Estas igrejas no entanto, se valem da Palavra, mas, mensuram esta a versicúlos de efeito que toquem diretamente na necessidade humana e com isto seduzem seus fiéis a darem o que não tem, para obter a cura dos males ou, o sucesso financeiro e amoroso.

Por conta disto, estes pastores estão cada vez mais ricos e têm sido alvo da justiça e Receita Federal, posto que, o patrimônio que eles tem adquirido em um curto espaço de tempo, impressiona a qualquer um.

Os milagres realmente acontecem, mas, como foi dito, não é da parte de Deus.

Outro mecanismo que é usado para impressionar, são pessoas contratadas para encenar um ato de expulsão de demônios ou mesmo de curas ao vivo diante dos presentes.

Obviamente, que no desespero de causa em vendo isto, qualquer um que esteja desavisado ou que não conhece a verdadeira Palavra de Deus, se impressiona e acredita piamente no que está vendo como se fosse da parte de Deus.

A Igreja Católica por sua vez, se utiliza de seus santos, o que contraria o primeiro mandamento Divino quando o próprio Deus diz: não terás outros deuses diante de ti, não farás para ti imagem de escultura.... (isto, lá no velho testamento no livro de Exôdo, capítulo 20).

Mas, lá no novo testamento, Jesus faz nova alusão aos falsos profetas dirigindo esta palavra a humanidade da seguinte maneira: maldito o homem que crê no homem. Ou seja: quem não se debruça a estudar a Palavra de Deus, quem não reconhece a Jesus como seu único Salvador e Redentor e se deixa enganar pelos falsos profetas, é maldito, pois preferiu dar crédito ao que o homem diz, mesmo que usando da própria Palavra e não foi se certificar da verdade contida nela como um todo.

Por este e outros motivos, é que cada vez mais crescem as igrejas progressistas e seus impérios financeiros.

Em vendo isto, a Igreja Católica que tem perdido milhares de fiéis mundo afora, está sim, através do papa Bento XVI buscando se insurgir com grande poder novamente e afirmar, que o catolicismos é a verdadeira fé e com isto, busca sorrateiramente seduzir estas igrejas para que se unam a ela e professem uma fé única. Está no livro de Apocalipse.

No entanto, enquanto o ser humano ignorar o fato de que ele é quem deve buscar a verdade de Deus para sua vida, o que Ele quer e como quer e simplesmente se deixar levar pelo que outros homens dizem, se insurgindo como enviados de Deus, estas igrejas continuarão acumulando fortunas e distanciando a criatura de Seu Criador, valendo-se pura e simplesmente da ignorância e com isto, fazendo prosperar... A Indústria da Fé.